Câmara de Vereadores de Itá proíbe concessão de diárias

0
930

Municípios de toda a região começam a apertar o cinto para poder fechar as contas no final do exercício de 2015. A crise financeira que as cidades enfrentam – decorrente da arrecadação abaixo do crescimento da inflação, além do aumento das despesas e das obrigações dos municípios – está obrigando os gestores públicos a fazerem ajustes fiscais.

Diante do momento difícil, o presidente da Câmara de Vereadores de Itá. Ivo Bruckmann (PMDB), baixou uma portaria proibindo a concessão de Diárias para vereadores e servidores até o final do ano. O documento diz ainda que as despesas com viagens e deslocamentos serão ressarcidas com adiantamento.

“Sabemos do memento difícil que os municípios vem passando e o exemplo começa por nós. Então decidimos baixar essa portaria que além de cortar as diárias do poder legislativo de Itá até o final do ano, prevê a redução de outras despesas do cotidiano – ressalta o presidente da Câmara de Vereadores de Itá, Ivo Bruckmann (PMDB).

A portaria assinada nesta terça-feira, dia 28, e que já está em vigor, estabelece a redução nas despesas com material de expediente e consumo em geral. “Estamos fazendo a nossa parte. Os vereadores de Itá já se manifestaram a favor dessas medidas de contenção de gastos, que todos os municípios vem tomando e que são necessárias nesse momento delicado que o país enfrenta”, finaliza o presidente.