Carteira de habilitação terá valor mais alto a partir de segunda-feira.

0
480

Quem for renovar ou tirar a primeira carteira de habilitação a partir de segunda-feira terá que pagar valores mais altos do que aqueles que eram cobrados até essa sexta. Isso porque passa a valer o reajuste anual das tarifas ligadas aos veículos no Estado.

De acordo com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS), o aumento nos preços se deve à correção da Unidade Padrão Fiscal do Rio Grande do Sul (UPF-RS), que teve crescimento de 10,71% e está fixada em R$ 17,1441. Para quem não sabe, a UPF serve como indexador para corrigir taxas e tributos cobrados pelo Estado.

Sendo assim, todos os serviços de habilitação sofrerão ajustes. Contudo, o Detran-RS informa que o cálculo prévio foi feito apenas para as categorias A, B e AB — C, D, E, ACC e Motor-Casa só será possível saber na segunda-feira.

Confira os valores que eram cobrados até essa sexta e os que serão recolhidos a partir de segunda-feira:

Categoria A
Até janeiro – R$ 1.464,69
A partir de fevereiro – R$ 1.621,32
Aumento de R$ 156,63

Categoria B
Até janeiro – R$ 1.715,19
A partir de fevereiro – R$ 1.959,02
Aumento de R$ 243,83

Categoria AB
Até janeiro – R$ 2.693,84
A partir de fevereiro – R$ 3.042,35
Aumento de R$ 348,51

Renovações
Condutores particulares – de R$ 177,50 para R$ 196,51
Condutores que exercem atividade remunerada – de R$ 233,63 para R$ 258,66 Condutores particulares acima de 65 anos – de R$ 106,49 para 117,90. Condutores que exercem atividade remunerada acima de 65 anos – de R$ 140,18 para R$ 155,19