Chuva danifica 1,2 mil casas e deixa 34 mil clientes sem luz no RS

0
343

A chuva que atinge o Rio Grande do Sul desde domingo deixa 34 mil clientes sem energia elétrica nesta terça-feira (18), segundo balanço feito pela Gaúcha com as companhias de abastecimento. Somente na área da RGE são 20 mil pontos sem luz, principalmente nos Campos de Cima da Serra. Já na região de concessão da AES Sul são 14 mil clientes sem energia.

Parte da rede sem luz na área da AES Sul foi desligada pela própria companhia em São Sebastião do Caí. Ao todo, havia risco de descargas para 2,9 mil clientes caso a luz não fosse cortada.

Além disso, famílias foram retiradas de casa em função dos alagamentos. Somente emSão Sebastião do Caí, o transbordamento do rio alagou 65% da cidade e obrigou mais de 200 pessoas a seguirem para abrigos municipais.

Segundo a Defesa Civil, 1,2 mil residências foram afetadas de alguma forma em função dos temporais. Os principais problemas são registrados em São Sebastião do Caí, Nova Petrópolis, Cachoeira do Sul e Parobé. Esses números podem aumentar, visto que a previsão é que precipitação continue até a próxima quinta-feira (20). Os níveis dos rios, conforme informações dos meteorologistas da Sala de Situação, devem continuar a subir ao menos até o próximo sábado.

Somente em Pantano Grande, na Região Central, 400 residências foram atingidas pelos alagamentos e 40 famílias tiveram que sair de casa. O município já enviou o decreto de situação de emergência ao governo do Estado. Em Novo Hamburgo, na Região Metropolitana, foram 300 residências afetadas.

As chuvas também prejudicam a circulação pelas rodovias do Estado. Segundo balanço da manhã desta terça-feira, são nove trechos com bloqueios em estradas federais e estaduais.