Coligação que elegeu maioria dos vereadores de Viadutos é cassada pela Justiça Eleitoral

0
180

Quase todos os vereadores da cidade de Viadutos vão perder o mandato. Eles fazem parte de uma coligação que foi cassada pela Justiça por ter usado nome de candidatas mulheres apenas para preencher a cota mínima.

A coligação era formada por 12 homens e seis mulheres, mas elas haviam apenas fornecido os nomes para compor a coligação. Uma das falsas candidatas não recebeu nenhum voto.

No entendimento do juiz da 3ª Zona Eleitoral, Fernando Vieira dos Santos, de Gaurama, houve fraude, e por isso foi determinada a impugnação da coligação “Unidos por Viadutos”, composta pelos partidos PP, PTB, PMDB, PPS, PSDB e PSB.

Com a determinação, todos os eleitos e suplentes da coligação tiveram os mandatos cassados. Os votos recebidos foram anulados e distribuídos entre os outros partidos.

A coligação cassada representava a maioria dos candidatos eleitos na Câmara de Vereadores de Viadutos, ocupando seis das nove cadeiras do legislativo municipal.

A coligação ainda pode recorrer da decisão.