Como uma dieta vegetariana ajuda você a viver mais

0
342

Você está disposta a fazer algumas mudanças no cardápio, como trocar a carne vermelha por lentilha, nozes ou quinua, para aumentar a sua expectativa de vida? De acordo com uma recente pesquisa, o consumo de carnes vermelhas processadas está relacionado com uma série de doenças crônicas, como câncer, diabetes e doenças cardíacas. E, ao fazer tais substituições, você reduz o risco de uma morte prematura. Boa notícia, né?

Na ocasião, os cientistas analisaram a quantidade de proteína consumida diariamente por 131 mil adultos nos Estados Unidos. Os dados foram coletados a partir de questionários respondidos por voluntários após o consumo do alimento. “A ingestão em excesso de proteína animal tem sido associada ao aumento da produção de insulina, enquanto a ingestão de proteína vegetal está relacionada com a diminuição da pressão sanguínea”, explica Mingyang Song, principal autor da pesquisa.

Contudo, os cientistas acreditam que ainda é necessário fazer uma análise maior do consumo global para entender o quanto de proteína vegetal as pessoas devem consumir para conquistar tais benefícios para a saúde. “Nossas descobertas podem ajudar a refinar as recomendações dietéticas sobre o consumo de proteína e também facilitar um consenso sobre os alimentos fontes de proteínas que são perigosos para a saúde em longo prazo”, explica.

Então, o que você pode consumir para substituir a proteína animal? A sugestão dos cientistas é optar pelos alimentos como grãos, cereais, nozes e legumes.