Criminosos roubam U$ 40 milhões da Prosegur no Paraguai e matam policial

Criminosos roubam U$ 40 milhões da Prosegur no Paraguai e matam policial

158

Criminosos explodiram a sede da transportadora de valores Prosegur, no Paraguai, na madrugada desta segunda-feira (24), e fugiram levando U$ 40 milhões. Houve intenso tiroteio e um policial morreu. Outro agente foi baleado e passou por cirurgia. Pelo menos outras quatro pessoas ficaram feridas. Segundo jornais paraguaios, pelo menos 30 bandidos participaram da ação contra a empresa, que fica em Ciudad del Este, há poucos quilômetros da fronteira. Veículos usados na fuga foram abandonados na região. Há suspeita de que a quadrilha seja do Brasil.

De acordo com o jornal Última Hora, a quadrilha invadiu, no final da noite de domingo (23), a fazenda de um empresário, que fica em frente à empresa. Eles bloquearam as rotas de acessos à Prosegur com caminhões e outros veículos, que foram incendiados. A quadrilha roubou automóveis de motoristas que estavam passando pelo local. Milhares de miguelitos foram espalhados pelas ruas.

Um dos carros utilizados no assalto foi encontrado a poucos quilômetros da fronteira, no Paraná, junto com um fuzil. A Polícia Rodoviária Federal ficou em alerta durante toda a madrugada, mas não houve registro de que a Ponte da Amizade tenha sido utilizada na fuga. A segurança foi reforçada na fronteira.

Na ação, os criminosos deixaram para trás quatro explosivos, que foram desativados no final da madrugada.