Dom José ressalta dom perene do Sacerdócio e da Eucaristia na sociedade...

Dom José ressalta dom perene do Sacerdócio e da Eucaristia na sociedade do descartável

108

Com o Bispo emérito, os padres da Diocese, cinco padres da equipe missionária saletina, 4 diáconos, os seminaristas, religiosos e expressivo número de fiéis leigos, Dom José presidiu a missa do Crisma na Catedral diocesana na noite desta quarta-feira santa. Nela, consagrou o óleo para o sacramento da crisma e da ordem e abençoou os óleos para o batismo e a unção dos enfermos. Depois da homilia, na qual destacou o dom perene do sacerdócio e da eucaristia na atual sociedade do descartável, o Bispo diocesano convidou os padres a renovarem seus compromissos de ordenação presbiteral. No final da celebração, Dom José entregou a cada padre os óleos para os sacramentos nas comunidades em que atuam, com saudação efusiva e manifestação de carinho e apreço. Antes da bênção final, o Pároco da Catedral, Pe. Alvise Follador, em nome da Paróquia, apresentou cumprimentos aos bispos e aos colegas padres pelo dia da instituição do sacerdócio, a quinta-feira santa, com a entrega de um pequeno brinde. A missa teve a participação especial do coral N. Sra. de Fátima, regido pelo Pe. José Carlos Sala, com o Pe. Olírio Streher animando a assembleia nos cantos.

Na homilia, Dom José acentuou que na sociedade atual do descartável, com sua cultura do superficial, do egoísmo, da indiferença, do desrespeito à vida e à criação, para a qual os valores do Evangelho são considerados muita vezes inconvenientes, opressores e ultrapassados, a vocação sacerdotal precisa estar fortemente alicerçada no chamado e no seguimento do Cristo, Mestre e Servo. Lembrou que os padres podem sentir-se frágeis diante dos desafios, do cansaço, do desânimo e das incompreensões na missão. Mas não podem deixar de ouvir a voz do Mestre, nem que as trevas do mundo obscureçam a chama do amor serviço e ofusquem a luz do Espírito Santo que brilha como esperança para o povo de Deus, através do seu ministério sacerdotal. Agradeceu a Deus pela vocação dos padres e a eles expressou gratidão pelo ministério junto ao povo, recomendando-os à proteção da Virgem Maria, Sra. do Rosário de Fátima, neste Ano Diocesano do Centenário de suas Aparições.