Mais de 70 casas danificadas em Marcelino Ramos, que pode decretar situação de emergência

0
259

A prefeitura de Marcelino Ramos deverá decretar nas próximas horas situação de emergência em razão do temporal que atingiu o município no início da noite de domingo (23). De acordo com André Mendes, Secretário de Obras e coordenador da Defesa Civil, dados preliminares apontam que cerca de 70 casas foram danificadas pelo vento e a chuva de granizo.

O prefeito Juliano Zunazzi disse que em 45 anos nunca tinha visto algo igual, principalmente com relação ao tamanho das pedras de gelo. O fenômeno climático, que se assemelha a um tornado, está sendo considerado como uma “tempestade severa”.  Os ventos entraram pela costa do lago do Rio do Peixe, pela região do cemitério, e provocaram uma grande destruição.

Os bairros mais atingidos foram o 13 de Maio e o Cruzeiro, mas em outras áreas também foram registrados danos, mas em menor escala. De acordo com o prefeito as equipes estão trabalhando desde a noite de ontem e dentro das possibilidades estão procurando atender a demanda das famílias. Ele citou que algumas casas tiveram toda estrutura do telhado arrancada pelo vento. (Portal de Marcelino)