Morte na BR-153: Delegado dá detalhes sobre depoimento de motorista

0
635

Marcelino Ramos – O delegado Rodrigo Dreyer da Comarca de Marcelino Ramos revelou detalhes na tarde de ontem com relação à concordiense que causou acidente com morte na BR-153 no domingo à noite. Ontem, ela se apresentou acompanhada de um advogado de Marcelino Ramos e deu sua versão para os fatos.

Segundo o que o delegado detalhou, a motorista disse que a moto estava sem luz e que só percebeu o acidente depois que aconteceu. Ela ressaltou ainda que não deixou o local imediatamente após o acidente, mas que permaneceu no local por cerca de 40 minutos e saiu em função do alto grau de nervosismo. Junto com ela estava a filha.

A Polícia Civil ainda trabalha também para identificar o segundo carro envolvido, que teria atropelado e causado a morte do motociclista. Num primeiro momento, segundo Rodrigo Dreyer, a condutora responderá em liberdade. Um inquérito foi aberto para a apuração dos fatos e posterior indiciamento pelos crimes cometidos.