Perfume e aroma

0
791

O perfume é uma combinação de aromas, divididos em notas de saída, de corpo e de fundo. As notas de saída representam a primeira impressão ao sentir um perfume. São notas refrescantes, que explodem, saem de imediato, prendendo a atenção desde o começo.

Já as notas de corpo são a personalidade da fragância. Expandem-se e enriquecem gradualmente, à medida que o tempo passa. Por último, tem-se as notas de fundo, que são de fixação. Elas persistem e dão rastro, retendo a memória e permanecendo por mais tempo sobre a pele. Quanto maior a harmonia entre as notas, maior o tempo de permanência da fragância sobre a pele.

Com escolher
O mesmo perfume tem um cheiro diferente dependendo de quem o usa. A quantidade de água que há na epiderme, a temperatura corporal, a secreção sebácea, o pH. Todos esses fatores influenciam o cheiro de uma fragância.

Para acertar na escolha, deve-se adquirir o perfume de manhã cedo, quando as faculdades olfativas estão mais sensíveis. Nesse dia, é melhor não utilizar nenhum perfume para evitar as misturas ou qualquer outra referência olfativa. Não é aconselhável experimentar mais de três perfumes. Após quatro ou cinco fragâncias, perde-se o olfato e o mais provável é a pessoa confundir os aromas.