Prefeito de Aratiba e delegação de prefeitos da região conhecem projeto de fruticultura em Mendoza na Argentina

0
572

Uma delegação da região Alto Uruguai, formada por prefeitos e vice-prefeitos, que pertencem a Associação dos Municípios do Alto Uruguai (AMAU), empresários, agricultores, consultor e representantes da Emater, Credenor e ACCIE, estão participando de uma missão técnica pelos países da Argentina e Chile.

A viagem está acontecendo de ônibus e nas primeiras visitas na sexta-feira (11), conheceram a parte da fruticultura em Mendoza, Argentina, no Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária (INTA), onde há mais de 40 anos são realizados trabalhos de melhoramento genético com uvas, pêssegos, ameixas, oliveiras e nozes. São 60, entre Agrônomos, Técnicos e funcionários que trabalham no local.

O grupo foi recebido pelos Agrônomos, Sergio Barlotta, Silvia Ulanovski e Fernando Barcio, que explicaram todos os processos de cultivo das plantas até a colheita dos frutos. Narraram as dificuldades da região pela escolha da fruticultura como principal atividade econômica.

Em uma região cuja precipitação pluviométrica é de no máximo 200 mm por ano. A fruticultura é produzida em um milhão de hectares, onde o sistema utilizado é praticamente todo irrigado por sulcos, utilizando as águas das geleiras da cordilheira dos Andes.

Em seguida, conheceram a empresa da família Pucciarelli, que colhe anualmente 240 toneladas de uva, para fabricar 70% em vinho. Também a colheita de oliva, cerca de 20 toneladas para a produção de 18% de azeite. Outro local visitado foi à empresa de oliveira, Pasrai, que produz 80 mil litros de azeite por ano.

Para o presidente da AMAU e prefeito de Aratiba, Luiz Ângelo Poletto, “nestas visitas se percebeu que o diferencial de Mendoza é a produção das mais diferentes frutas, todas elas são industrializada na mesma região e exportadas para o mundo inteiro, através de grande e pequenas empresas”.

A delegação segue para o Chile Santiago, aonde segue a programação agendada em vinícolas e empresas exportadoras.