Rio Grande do Sul tem 73 mortes confirmadas por gripe A em 2016

0
430

Balanço divulgado nesta segunda-feira (30) pela Secretaria Estadual da Saúde confirma 72 mortes por gripe A no Rio Grande do Sul em 2016, de um total de 384 casos registrados. Mais uma morte,registrada em Rio Grande, foi confirmada nesta manhã pelo Laboratório Central do Estado (Lacen), mas ainda não foi incluída na contabilização da secretaria.

O último balanço, divulgado dia 20 de maio, registrava 60 mortes no Estado.

A cidade mais afetada é Porto Alegre, com 12 óbitos de um total de 112 casos. De acordo com a secretaria da Saúde, das 72 pessoas mortas no Estado, 52 delas estavam no grupo de risco da doença – como idosos e portadores de doenças crônicas.

O Secretário estadual da Saúde, João Gabbardo dos Reis, confirma que a situação preocupa, mas diz que a vacinação deve ajudar a reduzir o número de casos.

“Proporcionalmente está ocorrendo uma redução na velocidade do número de óbitos. Mas claro que a situação nos preocupa porque o inverno ainda não chegou e já temos esse número significativo de casos. Nós temos 90% dos grupos prioritários vacinados, então esperamos uma redução do número de casos”, disse nesta manhã.

O secretário considerou a vacinação um sucesso. Pouco menos de um terço da população, ou 3,2 milhões de pessoas, foram vacinadas. A campanha atingiu quase 90% dos grupos de risco. O único grupo que a meta não foi batida foi o das gestantes. Gabbardo explica que grávidas têm temor que a aplicação atinja o bebê.