Vitamina D para as pernas

0
42

O nutriente já é bem conhecido por facilitar a absorção do cálcio e do fósforo pelos ossos, mas pouca gente conhece esta sua outra qualidade: ele contribui para a passagem do sangue pelas pernas e pelos pés. Isso reduz os riscos da doença arterial periférica, capaz de levar ao infarto, ao derrame e até a amputações – encrencas causadas pelo estreitamento dos vasos dos membros inferiores. O achado é de pesquisadores da Faculdade de Medicina Albert Einstein, em Nova York, nos Estados Unidos, que analisaram fichas médicas de quase 5 mil adultos americanos. “Ainda é cedo para afirmar que a vitamina D, por si só, tenha o efeito protetor, mas essa é, sim, uma hipótese”, disse a SAÚDE! a cardiologista Michal Melamed, líder da pesquisa.

Vale tomar suplementos?
No caso da vitamina D, cápsulas e afins dão o aporte de que o corpo precisa. Explica-se: esse nutriente aparece de forma discreta nos alimentos. Não significa, porém, que você deve ingeri-las sem recomendação médica. Em excesso, costuma ser tóxica. “Procure consumir suas melhores fontes, que são os peixes”, sugere a especialista americana. E não se esqueça de que 15 minutos de sol todos os dias são uma ajuda e tanto para melhorar a produção de vitamina D do próprio organismo.