O orégano é uma planta de folhas muito aromáticas, indispensável na culinária mediterrânea. O orégano combina perfeitamente com tomate, alho, manjericão, azeite e queijos. Pode ser usado fresco, mas o aroma pungente de suas folhas se intensifica com a secagem. Como outras ervas aromáticas, o orégano perde seu sabor se cozido, portanto deve ser adicionado aos pratos sempre no final do preparo.

Os especialistas apontam diversos benefícios do orégano para o organismo. Ele é um estimulante para o estômago, especialmente nos casos de perda do apetite, dificuldade de digestão ou gases. Além disso, é ótimo para cólicas. Expectorante, ajuda especialmente nos casos de bronquite ou asma. Suas propriedades antissépticas e anti-inflamatórias também são bastante importantes.

O orégano possui propriedades antimicrobianas, antifúngicas e antioxidantes, auxiliando na prevenção do envelhecimento precoce que, quando se instala, traz diversos males. Se você quer usufruir desses benefícios, não há grandes manobras: basta incluí-lo na rotina. É bom ingerir o orégano ao longo da vida, com frequência, e associando-o a outros vegetais que contenham antioxidantes complementares. Ele também é uma excelente fonte de vitaminas e minerais, bem como zinco, magnésio, ferro, cálcio, potássio, cobre, manganês e niacina.

O orégano pode ser coadjuvante no tratamento de disbiose intestinal e de candidíase, além de estimular o sistema imunológico. Os mais antigos fazem uso do chá de orégano para tratar tosse, dor de cabeça de origem nervosa, irritação e para aliviar enjoo do mar.

Anúncio Patrocinado