A vacinação contra o sarampo para a população entre 20 e 49 anos foi prorrogada até dia 31 de agosto. Segundo o Ministério da Saúde, a população-alvo nesta faixa-etária totaliza mais de 90 milhões de pessoas e a vacina está disponível nos 43 mil postos de saúde espalhados por todo o país. O governo federal reforça que a principal medida de prevenção e controle do sarampo é a vacinação.

O sarampo é uma doença grave e de fácil transmissão. Uma pessoa infectada pode transmitir para até outras 18 pessoas. A disseminação do vírus ocorre pela tosse, espirro, fala ou respiro. Neste caso, não é necessário o contato direto porque o vírus pode se disseminar pelo ar a metros de distância da pessoa infectada.

Segundo o Ministério da Saúde, em 2020, o Brasil acumula pelo menos 5.600 casos confirmados de sarampo em 21 estados. Pará, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina concentram o maior número de registros da doença neste ano.

Anúncio Patrocinado