Ágeis e de fácil acesso, os canais de atendimento digital da RGE estão sendo cada vez mais bem recebidos pelos 2,9 milhões de clientes nos 381 municípios atendidos pela distribuidora no Rio Grande do Sul. No mês de agosto, 71% dos clientes que procuraram atendimento já utilizaram de alguma forma as plataformas digitais, principalmente o aplicativo CPFL Energia, disponível para Android e iOS. Ao todo foram mais de 3 milhões de transações nos canais digitais, somente no último mês.

Através desses canais é possível solicitar todo tipo de serviço, inclusive a obtenção da segunda via para pagamento da conta, bem como a negociação de débitos em atraso.

Para evitar, por exemplo, a suspensão do fornecimento de energia, a RGE traz condições de pagamento diferenciadas dentro dos seus canais digitais e orienta que os clientes mantenham as contas em dia. Entre as novidades de pagamento está o parcelamento por meio do cartão de crédito ou boleto em até 12X, pagamento via Auxílio Emergencial e pagamento da fatura mensal por meio de cartão de crédito.

Confira as condições de pagamento oferecidas pela RGE:

Pagamento via Auxílio Emergencial: O pagamento da conta de energia por meio do cartão de débito virtual para quem recebe o Auxílio Emergencial do governo federal foi incorporada às opções de pagamento da distribuidora em seu site e App “CPFL Energia” como mais uma comodidade aos clientes que querem manter suas faturas em dia. Usando o cartão do Auxílio Emergencial, é possível quitar as faturas correntes ou até mesmo débitos vencidos no valor de no máximo R$ 1,2 mil. Por funcionar apenas na opção débito, não é possível que os valores sejam parcelados. Caso o cliente tenha interesse nessa função, ele pode optar por diversas outras modalidades de pagamento oferecidas também pelo site ou aplicativo da companhia.

Parcelamento de contas em atraso: Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso também podem pagar e parcelar o crédito em aberto em até 12 vezes nos cartões de crédito Mastercard e Visa e, também, via boleto. Essa condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em contas atrasadas.

Baixa renda – Os clientes beneficiados com a tarifa social – baixa renda – também podem utilizar os canais digitais para atualizarem o cadastro, assim como quem tem esse direito, mas ainda não se cadastrou. Os clientes baixa renda têm direito a um desconto regressivo na conta de energia que varia de 10% a 65% para quem consome até 220kWh/mês.

Afinal, o que é um canal digital? Canal digital são canais realizados sem intervenção humana, o que torna o processo ágil, com menor probabilidade de erro e seguro. Na RGE são considerados canais digitais: site, aplicativo CPFL Energia, acesso via celular, SMS, atendimento virtual pelo chat ou whatsapp, atendimento eletrônico (URA) entre outros.

São que mais de 30 opções disponíveis nos canais digitais da CPFL:  solicitar segunda via de conta, trocar titularidade, pedir religação do serviço e até enviar documentos e fotos. Basta acessar www.rge-rs.com.br ou baixar o aplicativo ‘CPFL Energia’ no smartphone ou tablet. A segunda via das faturas também pode ser solicitada por SMS, por meio do número que consta na fatura e os demais serviços podem ser realizados pelo Call Center.

Desde maio todos os clientes da RGE podem acessar o aplicativo para smartphones “CPFL Energia” com navegação gratuita, ou seja, sem gastar seu pacote de dados. O benefício, válido para todas as operadoras de telefonia Claro, Vivo, Oi e Tim, tem como objetivo facilitar o uso da tecnologia pelos clientes principalmente durante esse momento de isolamento social.

A empresa iniciou ainda, o atendimento via WhatsApp. Por meio do número (51) 3539-6791, os clientes podem comunicar falta de energia na sua residência, solicitar segunda via de conta, solicitar o código de barras e tirar dúvidas.

Serviços:

Sitewww.rge-rs.com.br

App: CPFL Energia (disponível para Android e iOS)

WhatsApp: (51) 3539-6791

SMS RGE: 27350

 Call Center: 0800 970 0900

 Segurança da população – Por meio da campanha Guardião da Vida, a RGE prioriza a segurança com a população e traz dicas de conscientização constantemente para evitar acidentes com a rede elétrica. Entre os assuntos, estão os perigos de brincadeiras com pipas próximo às subestações e às redes elétricas. A RGE reforça que as pessoas nunca busquem as pipas caídas em locais com equipamentos de energia, que podem causar acidentes e até morte. Confira essa e outras dicas em: https://guardiaodavida.com.br/

Anúncio Patrocinado