O toque de recolher em Santa Catarina começa a valer a partir das 23h deste sábado (5). O decreto que regulamenta a medida contra o contágio do coronavírus foi publicado no Diário Oficial do Estado na noite desta sexta-feira (4).

Com a nova regra, as pessoas precisam ficar em casa entre meia-noite e 5h. A medida vale por 15 dias. Segundo o decreto:

Os serviços e atividades não essenciais podem funcionar até a meia-noite e a entrada de clientes é permitida até as 23h;

a circulação e “aglomeração de pessoas em espaços, públicos e privados, e em vias públicas” não pode ocorrer da meia-noite às 5 horas;

o transporte público coletivo municipal pode funcionar, dede que respeitada a ocupação de 70% da capacidade.

A nova norma não vale para quem trabalha em serviços essenciais, como segurança pública e saúde. Também podem circular de meia-noite às 5h pessoas que estejam em alguma situação de emergência ou que estejam indo ou voltando do trabalho.

O uso de máscara passa a ser obrigatório em todos lugares, exceto em residências, enquanto durar o decreto de calamidade pública estadual.

Segundo o governo, o toque de recolher é necessário neste momento para diminuir a circulação de pessoas e a velocidade de transmissão do vírus.

Em um mês , os casos ativos de Covid-19 – aqueles em que as pessoas estão infectadas e passando a doença para outras , cresceu mais de 175% no estado.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta, pediu ajuda da população porque , segundo ele, o risco de colapso do sistema de saúde é real.

Anúncio Patrocinado