O Comitê Regional de Atenção ao Coronavírus da AMAU realizou nesta quinta-feira, 2, reunião ordinária para avaliar o cenário da pandemia do novo coronavírus na R16.

Casos Ativos
O último boletim aponta para a região alvo de monitoramente (34 municípios) um total de 207 casos ativos, um pouco superior ao boletim de 30/08, que registrou 185 casos. Apesar do pequeno acréscimo, os números estão favoráveis para o momento, considerando que a população monitorada é de 240 mil habitantes. “Estamos percebendo pequenas oscilações, mas aceitáveis para o período, eis que não comprometem os indicadores regionais, quando verificados na sua plenitude”, coloca Jackson Arpini, integrante do comitê regional.

Taxas de ocupação dos Leitos de UTI e Clínicos
As taxas de ocupação das estruturas hospitalares continuam boas, com percentuais abaixo de 20%. Com relação aos leitos de UTI, verifica-se patamar de 11,11% de ocupação, com apenas três pacientes internados no hospital público (FHSTE). Ontem, 1, o boletim registrou que no hospital filantrópico (HC) não havia pacientes internados em nenhuma das alas.

Com relação aos leitos clínicos verificamos que atualmente três pacientes estão internados do Hospital Santa Terezinha e seis pacientes nos hospitais da região que possuem leitos de retaguarda técnica, totalizando nove pacientes em atendimento clínico, num percentual de ocupação de 6,35%.

Óbitos
A Plataforma Regional de Monitoramento (PRM) registrou no último boletim 477 óbitos para a região, com o incremento de dois novos óbitos (Erechim e Estação). Erechim atingiu o quantitativo de 200 óbitos, com o falecimento de um paciente de 77 anos, na tarde de quarta-feira em decorrência da Covid.

Segundo o Sistema 3As, do Governo do Estado, a região (R16) possui a menor Taxa de Letalidade Aparente (1,46%) quando comparada às demais 20 regiões, o que demonstra a capacidade de assistência dos hospitais durante todo o período pandêmico, que teve seu início em março de 2020.

Imunização
Já em relação a Campanha Nacional de Imunização, percebe-se avanço diário nos indicadores, que estão elevados: na primeira dose, 73,73% da população alvo já foi vacinada (num total de 175.905 pessoas); com relação a segunda dose ou dose única, o índice é próximo a 50%, com 44,37% (105.863 pessoas).

Sob o olhar do Sistema 3As, a AMAU é a terceira região que mais imunizou a população, atrás de Santa Rosa e Santo Ângelo.

Municípios sem casos ativos
Constatou-se pelo último levantamento que 12 municípios não apresentam nenhum caso ativo, o que é significante para o momento. Do total dos municípios monitorados da R16, em número de 34, 35% estão sem casos ativos. Municípios: Áurea, Barra do Rio Azul, Charrua, Carlos Gomes, Entre Rios do Sul, Itatiba do Sul, Ipiranga do Sul, Mariano Moro, Paulo Bento, Ponte Preta, Quatro Irmãos e Três Arroios.

Avaliação
Face aos indicadores regionais, o Comitê percebe um cenário promissor, contudo, não se deve abrir mão dos cuidados preconizados de prevenção e dos protocolos estabelecidos. “Estamos verificando, por levantamentos oficiais, que os dados: casos ativos, internações, óbitos e imunização são positivos, porém estamos diante do ‘temido’ coronavírus. Não há, ainda, espaço para descuido e negligência, caso ocorra, os números se alteram com muita facilidade e podemos migrar de um cenário alentador para sombrio”, pontua Arpini.

Anúncio Patrocinado