De 2017 a 2019, a Escola Diaconal São Lourenço Mártir realizou curso de formação para possíveis candidatos ao diaconado permanente da Arquidiocese de Passo Fundo e da Diocese de Erexim.

Em reunião de 18 de dezembro do ano passado, Dom Adimir, o Conselho Diocesano de Formadores e padres das paróquias que tiveram alunos no mencionado curso retomaram os critérios para a escolha de candidatos ao mencionado curso, conforme o projeto do mesmo, em vista de possível ordenação diaconal. Cada padre relatou como viu a participação dos que fizeram o curso e sua atuação na respectiva comunidade. A partir da reunião, o Conselho de Formadores redigiu parecer a respeito dos alunos, indicando os que poderiam ser ordenados a partir do próximo ano.

No dia 16 de agosto deste ano, em reunião com Dom Adimir, os habilitados para a ordenação diaconal e a direção da Escola Diaconal, foram programados três encontros de um dia cada de formação e preparação mais imediata para a ordenação sobre os seguintes temas: a diaconia da palavra, a diaconia da caridade, a diaconia da liturgia, com assessor específico para cada assunto. Haverá também um retiro, marcado para os dias 2 e 3 de abril do próximo ano.

Neste sábado, 25, no Centro Diocesano, foi realizado o primeiro desses encontros, com a participação de 9 candidatos. Foi sobre a Diaconia da Palavra com a assessoria do Pe. Jari Carlesso, Pároco da Paróquia N. Sra. do Rosário de Barão de Cotegipe, professor na Itepa Faculdades e Diretor da Escola Diaconal.

No início do encontro, Dom Adimir dirigiu sua palavra aos participantes, relembrando os passos dados, o diaconado como um dos três ministérios ordenados e a importância da formação permanente. Informou também que já estão programadas duas ordenações para o próximo ano.

Os próximos encontros serão nos dias 30 de outubro e 27 de novembro, sobre a Diaconia da caridade e a Diaconia da Liturgia, com a assessoria dos Padres Wolney Toigo e Clair Favreto.

Anúncio Patrocinado