Lei Municipal de Incentivo ao setor ajuda impulsionar negócios nas propriedades rurais

A Administração Municipal de Aratiba, através da Secretaria da Agricultura lança um novo Programa Municipal de Incentivo à Avicultura, que irá proporcionar mais incentivos financeiros aos avicultores do município. O projeto já foi aprovado pelos vereadores e sancionado pelo prefeito Gilberto Hendges.

Poderão participar do Programa, produtores que estejam promovendo ou desejam ampliar a capacidade de alojamento de seus aviários. Todos os beneficiados pelo Programa deverão seguir obrigatoriamente as orientações técnicas dos profissionais da Secretaria da Agricultura e da Emater/RS – ASCAR.

Novos empreendimentos poderão receber R$ 1,00 por ave efetivamente alojada, até o valor máximo de R$ 40 mil, por unidade produtora. Para ampliações e transformações de sistemas antigos para novos, poderá ser repassado ao produtor até R$ 0,50 por ave efetivamente alojada, até o valor máximo de R$ 20 mil por unidade produtora.
Já para avicultura de postura e núcleo de recria, o repasse será de até R$ 40 mil por unidade produtora.

AVALIAÇÕES
O secretário da Agricultura de Aratiba, Joarez Miechuanski, salienta que esta iniciativa da prefeitura, visa beneficiar um dos principais setores econômicos do município. De acordo com ele, hoje são 40 famílias que produzem aves, gerando a segunda maior arrecadação municipal, atrás apenas da suinocultura.

“Temos tido importantes investimentos na avicultura de nosso município e acreditamos que este auxílio possa incentivar ainda mais os produtores a seguirem investindo e por consequência gerando emprego e renda no município”, enfatiza Miechuanski.

Um dos produtores beneficiados é Cristiano Perondi, que reside com a família a comunidade de Esperança Alta. Segundo ele, o auxílio por parte da prefeitura é fundamental para manutenção da propriedade. “É imprescindível, o auxílio da prefeitura ajuda a manter investimentos, que são elevados em nosso setor”, completa.

Anúncio Patrocinado
VIAJornalismo - Rádio Aratiba
FONTEAssecom
Artigo anteriorHospital Santa Terezinha inaugura 10 novos leitos de UTI na quarta-feira
Próximo artigoPrevisão do Ipea é de estabilidade para setor agropecuário em 2022