Na tarde desta quarta-feira (29), na BR 480 em Barão de Cotegipe, a Polícia Rodoviária Federal prendeu o motorista de uma carreta que transportava mais de 10 toneladas de um tipo de agrotóxico que é proibido no Brasil.

Em uma operação de combate ao crime, os Policiais Rodoviários Federais abordaram uma carreta Volvo emplacada no Paraná. O motorista, um paranaense de 44 anos, disse que o veículo estava vazio.

Os policiais perceberam que havia carga na carreta e, ao vistoriarem os reboques, encontraram diversos galões de agrotóxicos proibidos no Brasil, totalizando mais de 10 toneladas. O produto é o Paraquat, que tem a importação proibida pela Anvisa justamente pelos efeitos nocivos que causa ao meio ambiente, aos alimentos e a quem tem contato com ele.

O motorista foi preso em flagrante e conduzido para a delegacia. O veículo e a carga, avaliados em quase um milhão de reais, foram apreendidos.

Anúncio Patrocinado
VIAJornalismo - Rádio Aratiba
FONTEAu Online
Artigo anteriorEm Severiano de Almeida, programa promove a saúde em sala de aula
Próximo artigoColheita dos citros avança no RS e já se aproxima do final em algumas regiões