Desde que instituído, em 1981, o Mês Vocacional celebrado em agosto, o Bispo e os padres da Diocese de Erexim realizam confraternização na primeira segunda-feira desse mês para comemorar o Dia do Padre, que transcorre no dia 04, memória litúrgica de São João Maria Vianney, padroeiro dos Párocos.

Neste ano, devido ao falecimento recente do Pe. Altair José Steffen, dia 25 passado, a confraternização foi substituída por uma celebração eucarística na manhã desta segunda-feira, dia 1º na Capela da Reconciliação do Santuário Diocesano N. Sra. de Fátima, presidida por Dom Adimir Antonio Mazali.

No início da celebração, o Bispo disse que a celebração tinha motivos de ação de graças, os 51 anos de instalação da Diocese justamente nesse dia, a recordação agradecida de tantos que participaram da história da Diocese, em especial padres, religiosos, ministros e outros agentes de pastoral; e motivos de súplica pelos falecidos, em particular pelo Pe. Altair José Steffen.

Na homilia, Dom Adimir ressaltou o projeto do Reino de Deus, vida fraterna, a missão de todos perante os desafios da realidade atual. A partir da palavra de Jesus aos discípulos no evangelho do dia de eles mesmos darem de comer à multidão faminta que os acompanhava, o Bispo observou que nosso povo continua faminto, não só do pão material, mas também do alimento espiritual, do Pão do Céu, do Pão da Palavra. Não só o povo, mas também os seus ministros necessitam deste alimento espiritual para poderem realizar sua missão. Por ser o dia de Santo Afonso Maria de Ligório, ele leu passagem de texto dele inserido no Ofício Divino destacando que toda santidade e perfeição consistem no amor a Jesus Cristo, nosso Deus, nosso sumo bem e nosso redentor. É a caridade que une e conserva todas as virtudes que tornam o ser humano perfeito. Porque Deus nos amou primeiro, devemos-lhe o amor de retribuição. Dom Adimir prosseguiu ressaltando que se a Diocese foi criada e instalada é porque muitos amaram a Cristo e por Ele se empenharam. Diante dos desafios de hoje, o amor deve ser motivação a continuar a missão. Concluiu lembrando São João Maria Vianney, modelo de vida sacerdotal, e desejou que ele interceda por todos os ministros ordenados.

Anúncio Patrocinado
FONTEAssessoria de Comunicação da Diocese de Erexim
Artigo anteriorPonte da divisa entre SC/RS continua com problemas e causando transtornos aos motoristas
Próximo artigoCampanha nacional busca estimular aleitamento materno