Bolsonaro e Haddad disputam 2º turno no próximo dia 28; militar venceu em quatro das cinco regiões

32

Candidatos com mais intenções de voto na corrida presidencial, Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) terão que esperar até o fim do mês para saber quem comandará o país. Por voto popular, os dois presidenciáveis disputam o segundo turno no dia 28 de outubro, segundo os números apurados e divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na noite deste domingo (7). Bolsonaro e Haddad disputam a Presidência pela primeira vez e foram os dois mais votados entre os 13 postulantes ao Palácio do Planalto. O militar recebeu mais de 49 milhões de votos, enquanto o petista registrou mais de 31 milhões.

O candidato do PSL venceu o concorrente no Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte. Haddad só bateu Bolsonaro no Nordeste, conhecido por ser reduto eleitoral do PT. O resultado do primeiro turno quebrou hegemonia de PT e PSDB na eleição presidencial. Nos últimos seis pleitos, os dois primeiros colocados foram de um desses dois partidos, com duas vitórias do PSDB (1994 e 1998) e quatro do PT (2002, 2006, 2010 e 2014).

O próximo presidente será conhecido no próximo dia 28 de outubro e o vencedor governará o Brasil de 1º de janeiro 2019 a 31 de dezembro de 2022.