Crianças que passam muito tempo em telas de dispositivos eletrônicos podem ter problemas oculares

771

Mais de 83% de crianças entre 10 e 17 anos utilizam tablets, computador, celular e vídeo-game durante três horas ou mais por dia, segundo uma pesquisa realizada pela Associação Americana de Optometria. Porém, uma outra pesquisa, realizada pela mesma instituição, mostra que 40% dos pais acreditam que os filhos não usam tanto assim e não sabem os riscos que o uso excessivo pode causar à visão das crianças e adolescentes. O oftalmologista de Brasília, Daniel Moon Lee, explica o que acontece com a visão após uma frequência constante de uso de dispositivos eletrônicos.

“Os riscos associados a um uso excessivo de dispositivos eletrônicos como tablets, computadores e a própria televisão fixa em um certo ponto, pode fazer com que a frequência do nosso piscar diminua pela metade, por exemplo. Então, só isso já leva a uma piora da lubrificação ocular, e leva a possíveis sintomas como ardência, vermelhidão, sensação de areia nos olhos, coceiras e uma visão embaçada, transitoriamente.”

De acordo com a pesquisa da Associação Americana de Optometria, 80% das crianças experimentaram ardência, coceira nos olhos ou cansaço após um longo período de uso dos aparelhos eletrônicos. Segundo o oftalmologista Daniel Moon, o tempo ideal para ficar em frente à TV, computador e outros dispositivos é de duas horas por dia.