Inicia nesta quarta-feira a Trezena de Santo Antônio na Matriz São Tiago

1035

Neste mês de junho, celebramos vários santos de nossa devoção popular.

Um deles é Santo Antônio, que tem muitos devotos espalhados pelo mundo todo.

É conhecido como o santo dos pãezinhos , o santo casamenteiro  e o santo para encontrar coisas perdidas.

Quem de nós nunca ouviu falar do Sequeri de Santo Antônio?

Por falar nisso, a palavra Sequeri vem do início do Responsório de Santo Antônio que diz  “Se Milagres Desejais…” em latim “Si Quaeris Miracula” , que ficou abreviado Sequeri.

O santo dos pãezinhos.

Conta a tradição, que Antônio, pela sua grande bondade e generosidade num certo dia doou todos os pães do convento para os pobres.

O confrade responsável pela cozinha, foi até Antônio e disse que haviam roubado todos os pães da despensa do convento.

Antônio em resposta disse: Vá ver novamente e procure melhor.

Chegando lá, como de uma forma milagrosa, encontrou os pães suficientes para a refeição dos confrades.

O santo casamenteiro.

Conta a tradição que uma moça não tinha o dote necessário para o casamento.

A mãe preocupada com o futuro da filha, recorreu a Santo Antônio, e de uma forma milagrosa conseguiu o dote necessário para um bom casamento.

O santo para encontrar coisas perdidas.

Provém da oração do próprio Sequeri, mas também algumas bibliografias dizem que uma senhora de posses, perdeu as chaves de casa e buscou em Antônio ajuda.

Encontrando as chaves começou a doar pães para os pobres.

  TREZENA DE SANTO ANTÔNIO

Em 1617, uma senhora de Bologna, na Itália, desejava muito ter um filho, descendência.

Sabendo dos grandes milagres realizados pela intercessão de Santo Antônio teve muita fé e numa visão, o santo lhe aparecera dizendo para que ela fosse por 9 terças-feiras, (dia da semana em que foi sepultado Antônio),  até uma igreja dos frades franciscanos naquela cidade.

Teve um filho, mas com uma série de problemas físicos.

A mulher não desanimou e levando seu filho novamente para a igreja, fez com que a criança tocasse no altar de Santo Antônio e ela ficou curada.

A partir desse momento, se espalhou a ideia da novena de Santo Antônio, que depois se elevou o número para treze “Trezena”, lembrando a data de sua morte que foi no dia 13 de junho de 1231.

 CORDÃO DE SANTO ANTÔNIO

Faz referência ao cordão usado pelos franciscanos, Ordem a qual pertenceu Antônio,( os franciscanos).

Os nós no cordão franciscano lembram os Votos de obediência, pobreza e castidade.

O cordão de São Francisco tinha um significado de também repelir as forças do mal.

Na ocasião da Trezena, o cordão serve para lembrar nosso compromisso de viver as virtudes de Santo Antônio, e também de fazermos nossos pedidos a ele.

As celebrações acontecem na Igreja Matriz São Tiago em dois horários: às 14:30 e às 19:00.