Morre a sétima vítima de coronavírus no Rio Grande do Sul

665
  • Esta é a segunda morte por covid-19 em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos
  • Das sete mortes no RS, as outras são em Porto Alegre (4) e Ivoti (1)
  • O Rio Grande do Sul tem 418 casos confirmados da doença

Uma idosa de 73 anos é a sétima vítima de coronavírus no Rio Grande do Sul. Ela faleceu na madrugada deste sábado (4) em um hospital de Novo Hamburgo, no Vale do Sinos. O óbito foi confirmado no início da noite pela Secretaria Estadual da Saúde.

Segundo a prefeitura de Novo Hamburgo, a idosa apresentou os sintomas de febre e dificuldade para respirar no dia 30 de março. Ela foi levada para o Hospital Municipal e ficou na ala reservada para tratamento de covid-19. A paciente morreu cinco dias depois.

A administração municipal informou que a idosa residia em uma clínica geriátrica e apresentou os sintomas no local. Por isso, todos os outros moradores também foram examinados. Nenhum apresentou sintomas. A Vigilância em Saúde da cidade vai monitorar a situação da clínica.

É a segunda morte confirmada em Novo Hamburgo. A outra vítima na cidade era também uma idosa, de 84 anos, em 30 de março.

As outras mortes no Rio Grande do Sul ocorreram em Porto Alegre (4) e Ivoti (1). O Estado tem 418 pessoas infectadas, segundo a Secretaria da Saúde. No Brasil, são 432 mortes e 10.278 casos.