Padres e diáconos refletem sobre a vida no contexto da economia e meio ambiente

204
SONY DSC

A vida no contexto da economia, meio ambiente e sociedade em reunião dos Diáconos e Padres da Diocese de Erexim.

Os diáconos e padres da Diocese de Erexim realizaram sua primeira reunião deste ano nesta terça-feira, no Seminário de Fátima, sob a coordenação do Pe. Antonio Valentini Neto, Administrador Diocesano.

Estudo sobre a Campanha da Fraternidade e seu tema neste ano

Inicialmente, o Administrador Diocesano recordou alguns aspectos da história e da natureza da Campanha da Fraternidade. Em seguida, o Doutor em Economia, professor João Martins dos Santos, expôs uma análise sistêmica sobre economia, meio ambiente e sociedade, relacionada com o tema da Campanha da Fraternidade deste ano que tem como tema a vida, dom e compromisso.

Desenvolveu sua reflexão a partir de algumas questões fundamentais: que riscos e ameaças nos cercam? Quais forças impedem mudanças? Como gerar mudanças? Seria possível alcançar o equilíbrio social e ambiental? Salvaremos o planeta? Mencionou os 4 fatores da economia, capital, trabalho, natureza e tecnologia. Em relação a eles, há dados estatísticos que causam conflito social e ambiental. Dois números mais expressivos: no mundo, 8% da população detêm 92% dos bens; no Brasil, 5% detêm 95 %. Além disso, para o sistema econômico, a natureza tem a função de fornecer recursos ou bens naturais e ser receptora de resíduos, de lixo. Nessa compreensão, o colapso é inevitável. Já alcançamos o limite da natureza e perdemos a capacidade de controle da temperatura, com graves mudanças climáticas. A superação desta situação exige a busca de produção e energia limpas, produção orgânica e agroecológica, economia de Francisco, redução das desigualdades, revisão da relação entre finanças e humanidade, economia e natureza.

Assuntos administrativos
O Ecônomo da Diocese, Ildo Benincá, e equipe da Cúria Diocesana apresentaram o balanço geral de 2019 da Diocese e de diversas instâncias dela, como os Seminários N. Sra. de Fátima, São José e Bom Pastor, o Secretariado Diocesano de Pastoral, a Livraria, a Cúria, o Setor Vocacional e Cáritas. Deram informações também sobre seguro patrimonial e de veículos, situação de alguns imóveis, a possível informatização e mudanças de sistema na operacionalização do dízimo e orientações sobre a declaração do imposto de renda da receita federal. Em relação a este ponto da pauta, o Administrador Diocesano enfatizou a necessidade do zelo total e da transparência absoluta em tudo, seguindo à risca as obrigações fiscais e tributárias. Exortou também a todos a observar as orientações diocesanas e a colaborar na prestação das informações solicitadas pela Cúria Diocesana para ela manter em dia as obrigações com as repartições públicas.

Cursos, encontros e informações diversas
A reunião dos padres e diáconos tratou também da implementação do 14º Plano Diocesano da Ação Evangelizadora para o quadriênio 2020-2023; do curso de teologia para leigos, a partir do dia 06 de março no Seminário de Fátima com duração de dois anos; dos dois cursos da Escola de Formação, um no Centro Diocesano a ter início no dia 10 deste mês e outro em Jacutinga, com início no dia 11 deste mês até o final de novembro; do curso anual para os padres de 22 a 24 de junho no Seminário de Fátima sobre o tema do Congresso Eucarístico Nacional, Pão em todas as mesas; do encontro diocesano dos ex-alunos da Escola de Servidores, dia 30 de agosto, em Barão de Cotegipe e outros eventos programados. Foram feitas também diversas comunicações de atividades das Pastorais e movimentos.

Dados biográficos do professor José Martins dos Santos
Nasceu no dia 15 de fevereiro de 1963, em São Paulo, mas sua família era natural de Sergipe. É doutor em economia. Trabalhou em Santa Catarina e está há 20 anos em Erechim. É professor na Universidade Federal Fronteira Sul e atua em movimentos populares, especialmente com assessorias sobre desenvolvimento social sustentável.