Secretaria de Saúde realiza visitas domiciliares no interior de Aratiba

226

As visitas são realizadas uma vez na semana para pacientes prioritários como gestantes, pessoas idosas, com deficiência, acamados e em tratamento de câncer.

A ação faz parte do Programa Saúde e Estratégia da Família e as visitas são feitas pela secretária de Saúde, uma técnica em Enfermagem e uma médica, que fazem uma avaliação geral no paciente e passam algumas orientações sobre suas patologias. Caso haja necessidade a pessoa é encaminhada para o atendimento na Unidade Básica de Saúde.

De acordo com a secretária de Saúde, Débora Cenci, as visitas são importantes porque as pessoas que são contempladas com o atendimento não conseguem comparecer a Unidade de Saúde por conta das limitações. “A saúde é prioridade em nosso governo. Por isso, queremos resgatar cada dia mais o cuidado humanizado e o calor humano. Entendemos que isso faz parte de uma boa gestão de saúde pública, controle social e de direitos humanos”, falou.

Para a técnica de Enfermagem, Liliana Anselmini, “a visita domiciliar permite uma proximidade com as famílias para se desenvolver ações destinadas à promoção e recuperação da saúde. Também avançamos na educação em saúde e a participação ativa do paciente para que diminua os índices de internações e controlando os sintomas desagradáveis de doenças crônicas comuns. A educação executa-se de forma gradativa e contínua por meio do atendimento individualizado”, disse.

A agricultora Zeni Antonietti Carniel, que mora na comunidade de Três Barras, avalia que “é muito importante essas visitas que a Secretaria de Saúde está fazendo em nosso município, nos sentimos valorizados em saber que temos pessoas que se preocupam com o bem-estar e com a saúde das pessoas de nossa comunidade”.

Atrelados às visitas domiciliares e a esse cuidado humanizado a Secretaria de Saúde está qualificando o quadro de funcionários, através de formação com o filósofo e teólogo Jorge Trevisol, com o objetivo de fortalecer a saúde emocional da equipe que atende a todos. “Investir em educação permanente é investimento em qualidade de atendimento”, destaca a Secretária.