Suspeito de estuprar neta de sete anos é preso em Entre Rios do Sul

639

A Polícia Civil de Entre Rios do Sul prendeu na tarde desta quinta-feira, 23 de junho, um indivíduo suspeito de estuprar sua própria neta, uma criança de sete anos de idade. A investigação teve início quando a Delegacia de Polícia do município recebeu informações do Conselho Tutelar, apontando que o suspeito poderia estar abusando sexualmente da criança. A polícia passou a reunir provas do cometimento dos crimes, descobrindo, inclusive, que a enteada do suspeito também tinha sido vítima dele, sofrendo uma série de abusos sexuais na sua infância e adolescência, quando convivia com o investigado.

Depois de reunir elementos consistentes que confirmavam a autoria dos crimes, a Polícia Civil representou junto ao Poder Judiciário da Comarca de São Valentim pela decretação da prisão preventiva do suspeito e pela expedição de mandado de busca e apreensão para a residência do mesmo.

Na tarde desta quinta-feira, a Delegacia de Polícia de Entre Rios do Sul, com o apoio de policiais da Defrec de Erechim, deu cumprimento às ordens judiciais.

De acordo com o delegado Gustavo Vilasbôas Ceccon, coordenador da ação, na residência do investigado foi localizada uma espingarda calibre .32, e munições. No local, a polícia também encontrou mais evidências que comprovam os abusos sexuais sofridos pela criança.

Além de ser preso preventivamente, o suspeito também foi autuado em flagrante pelo delito de posse ilegal de arma de fogo.

A identidade do preso não foi divulgada para preservar as duas vítimas dos crimes sexuais. O investigado foi recolhido ao Presídio Estadual de Erechim e irá responder a um processo criminal pelo delito de estupro de vulnerável.