Diabetes

126

Diabetes Mellitus é uma doença do metabolismo da glicose causada pela falta ou má absorção de insulina, hormônio produzido pelo pâncreas e cuja função é quebrar as moléculas de glicose para transformá-las em energia, a fim de que seja aproveitada por todas as células. A ausência total ou parcial desse hormônio interfere não só na queima do açúcar como na sua transformação em outras substâncias (proteínas, músculos e gordura).

Na verdade, não se trata de uma doença única, mas de um conjunto de doenças com uma característica em comum: aumento da concentração de glicose no sangue provocado por duas diferentes situações:

Diabetes tipo 1: O pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina. A instalação da doença ocorre mais na infância e adolescência e é insulinodependente, isto é, exige a aplicação de injeções diárias de insulina.

Diabetes tipo 2: As células são resistentes à ação da insulina. A incidência da doença que pode não ser insulinodependente, em geral, acomete as pessoas depois dos 40 anos de idade; diabetes gestacional – Ocorre durante a gravidez e, na maior parte dos casos, é provocado pelo aumento excessivo de peso da mãe; diabetes associados a outras patologias como as pancreatites alcoólicas, uso de certos medicamentos, etc.

Sintomas do diabetes
– Poliúria: a pessoa urina demais e, como isso a desidrata, sente muita sede (polidpsia);
– Aumento do apetite;
– Alterações visuais;
– Impotência sexual;
– Infecções fúngicas na pele e nas unhas;
– Feridas, especialmente nos membros inferiores, que demoram a cicatrizar;
– Neuropatias diabéticas provocadas pelo comprometimento das terminações nervosas;
– Distúrbios cardíacos e renais.

Fatores de risco
– Obesidade (inclusive a obesidade infantil);
– Hereditariedade;
– Falta de atividade física regular;
– Hipertensão;
– Níveis altos de colesterol e triglicérides;
– Medicamentos, como os à base de cortisona;
– Idade acima dos 40 anos (para o diabetes tipo 2);
– Estresse emocional.