Mais de 1 milhão de pessoas se curaram da Covid-19 em todo o mundo

306

O país com o maior número de pacientes recuperados é a Espanha, com 137.984; Brasil tem 34.132 curados, segundo Universidade Johns Hopkins

O número de pessoas curadas do novo coronavírus em todo o mundo ultrapassou 1 milhão na quinta-feira, 30, segundo o monitoramento da pandemia em tempo real pela Universidade Johns Hopkins.

Segundo a universidade dos Estados Unidos, 1.008.498 pessoas se recuperaram após contrair a Covid-19. Ao todo, mais de 3,2 milhões foram infectados em todo o mundo e 231.000 morreram.

O país com o maior número de pacientes curados é a Espanha – com 137.984. Os espanhóis são seguidos pelos americanos (125.636) e pelos alemães (123.500).

Os Estados Unidos são a nação mais atingida, com mais de 1 milhão de infectados e quase 62.000 mortes. O Brasil tem 80.246 casos e 5.900 óbitos. Ao todo, 34.132 brasileiros se curaram após contrair o coronavírus.

Os primeiros casos da doença foram detectados em dezembro passado em Wuhan, na China. Acredita-se que o vírus tenha se originado em um mercado de frutos do mar na cidade. Ao longo dos últimos meses, a China passou do epicentro da Covid-19 ao primeiro país a colocar em prática uma reabertura após quase dois meses de isolamento social.

Pequim, contudo, não está imune a críticas. O governo vem sendo acusado pelos Estados Unidos de subnotificar os casos e óbitos intencionalmente. Os métodos radicais utilizados pelos chineses para controlar o isolamento social de sua população também foram questionados, assim como a prisão de médicos e ativistas que denunciaram o surgimento da doença no fim do ano passado.