Reduzir açúcar na dieta de crianças já traz melhoras de saúde em...

Reduzir açúcar na dieta de crianças já traz melhoras de saúde em 10 dias

80

O açúcar é considerado um vilão de quem quer emagrecer. Mas a verdade é que o açúcar de adição, aqueles que colocamos a mais no cafezinho, suco ou iogurte, pode trazer diversos malefícios à saúde. E mais um estudo comprovou isso, dessa vez em crianças.

O estudo, publicado no jornal científico Obesity, foi feito com 43 crianças com entre 9 e 18 anos, obesos, diagnosticadas com síndrome metabólica e com ao menos uma comorbidade, que poderia ser hipertensão, colesterol alto ou triglicérides alto. Em média, 27% das calorias deles vinham do açúcar. Então, os especialistas, do Hospital Infantil Benioff, da Universidade da Califórnia, resolveram trocar a quantidade de açúcar de suas dietas por outros carboidratos com amido, mantendo nas dietas as mesmas proporções de gordura, proteínas e carboidratos, para que não houvesse mudança no peso das crianças.

Portanto, eles trocaram itens como iogurte adoçado com açúcar, doces e molhos açucarados por itens como baguetes, salsichas de peru e salgadinhos de batata assada. O único açúcar na dieta vinha de frutas frescas.

Eles então monitoraram algumas taxas, como os níveis de colesterol e triglicérides, glicemia, batimentos cardíacos, pressão arterial, insulina e ácido úrico. Em 10 dias, as crianças estudas já mostraram melhoras em todas essas taxas, que apesar de pequenas, são significativas para esta quantidade de tempo, ainda mais considerando que as crianças continuaram com o mesmo índice de massa corporal (IMC). Por exemplo, o colesterol LDL, ligado a mais problemas cardiovasculares, reduziu em 10 pontos. A pressão arterial caiu 5 pontos e os triglicérides caíram 33 pontos. Mesmo as quantidades de insulina no corpo caíram, o que indica uma menor resistência ao hormônio, que coloca a glicemia dentro das células.

A conclusão dos especialistas é que o açúcar tem um papel importantíssimo para o desenvolvimento da síndrome metabólica, já que nem todas as calorias se formam do mesmo jeito, mostrando que seus malefícios vão além de sua influência no peso ou acúmulo de gordura. Portanto, vale a pena reduzir os itens açucarados da dieta, mesmo quando não se quer emagrecer. Apesar do estudo ter sido feito com crianças, os estudiosos acreditam que os adultos também devem ter cuidado com esse ingrediente.