Previsão do tempo no RS: como deve ser o mês de abril

619

Com o avanço da pandemia de coronavírus no Rio Grande do Sul, a previsão do tempo de abril deve preocupar os gaúchos mais sensíveis ao frio. A temperatura deve ficar entre 1°C e 2°C abaixo da média histórica para o período, que é de mínimas entre 12°C e 15°C e de máximas na casa dos 24°C.

Conforme Fabiene Casamento, meteorologista da Somar, a previsão é de que as ondas de frio já comecem neste final de semana, com possibilidade de geada na Serra. Quem tem receio de ficar doente com a baixa na temperatura deve ficar atento também nos finais da primeira e segunda quinzenas do mês.

Já os produtores rurais, que desde o ano passado sofrem com a estiagem, têm motivos para comemorar: a precipitação ficará acima da média histórica.

— Mesmo assim, não é possível falar em regularização da chuva no Estado. A chuva deve ser mais intensa, se comparada com o mês de março, e concentrada nos primeiros dias de abril — afirmou Fabiene.

Sem águas em março
No mês de março, a instalação de bloqueios atmosféricos impediu o livre avanço de frentes frias pelo Centro-Sul do Brasil e, mesmo com episódios de alguns temporais, as chuvas em março não conseguiram alcançar a média climatológica no Rio Grande do Sul, agravando a situação de estiagem pela qual passam os gaúchos.

Março foi o mês mais seco desde 2004, com chuva acumulada de 22,9 mm, o que corresponde a 24% do normal (92,2 mm). A cidade em que mais choveu no Rio Grande do Sul foi Quaraí, com 67mm (47% da média), e a cidade em que menos choveu foi Ibirubá, com 13mm (12% da média).

Com relação às temperaturas, as mínimas de 19,7°C ficaram ligeiramente abaixo do normal. Durante as tardes, a situação foi completamente diferente: com o tempo seco mais frequente, a temperatura ficou bem acima do normal em todo o estado gaúcho.