Governo do Estado irá decretar situação de calamidade pública por conta do Coronavírus

425

O Governo do Estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, anunciou que irá decretar situação de calamidade pública por conta do Coronavírus. A medida foi anunciada pelo Twitter na noite desta quarta-feira, e tem como objetivo conter o avanço da pandemia global que já matou mais de 8 mil pessoas em todo o mundo.

Conforme informações do governador, o decreto ainda está sendo editado pelos técnicos e deve ser apresentado para os gaúchos nesta quinta-feira. O objetivo, segundo Leite, é intensificar as ações que ajudem a minimizar os efeitos da pandemia no Rio Grande do Sul.

O governador alertou, ainda, que trata-se de uma medida drástica, porém necessária para o momento vivido no país e no mundo. Ainda nesta quarta-feira, o governador já havia anunciado outras medidas, como o socorro econômico a pessoas físicas e jurídicas.

Hospitais

Ainda pelas redes sociais, o governador anunciou o aporte de R$ 7 milhões para a realização de ajustes no prédio do Hospital Regional de Santa Maria. O convênio entre o Estado e a Fundação Universitária de Cardiologia permitirá que o hospital possa ser equipado até o final deste semestre, demanda antiga da região.

Anunciou, ainda, mais cinco leitos de UTI para o Hospital Universitário, hoje com cinco leitos. Somados à abertura do Hospital Regional, esses 10 leitos serão fundamentais para o atendimento aos pacientes diagnosticados com Covid-19.