Jovens prestam juramento à Bandeira Nacional em Aratiba

0
379

Na presença do Tenente Marco Simões Flores e do Presidente da Junta de Serviço Militar de Aratiba, prefeito Luiz Ângelo Poletto, os jovens da classe 1998 prestaram Juramento à Bandeira e receberam o Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI), na manhã desta quinta-feira, 25, no auditório da Escola Municipal Aratiba.
Os 57 jovens, que completam ou já completaram 18 anos neste ano de 2016 estão dispensados da prestação do serviço militar inicial no Município de Aratiba.

No juramento, os jovens se comprometeram em defender a nação brasileira em qualquer eventualidade que possam vir a serem convocados. Os dispensados continuam com sua obrigação militar até no ano que completarem 45 anos. Os conscritos que prestaram o juramento comprometem-se em atender as futuras convocações de emergência em caso de necessidade.

O 1º Tenente Marco Simões Flores, Delegado da 17ª Delegacia do Serviço Militar, de Erechim, presidiu o juramento, falou sobre o significado do ato solene e destacou a importância do ato aos jovens aratibenses.
Depois do juramento o prefeito Luiz Ângelo Poletto, falou sobre a importância da participação de todos na vida do País, independente de não terem prestado serviço militar.

O evento teve a presença do Prefeito Luiz Ângelo Poletto, 3º Sargento da Brigada Militar de Aratiba, Everaldo Metler e o secretário da Junta de Serviço Militar de Aratiba, Rogério Dos Santos.

O Serviço Militar consiste no exercício de atividades específicas desempenhadas nas Forças Armadas – Exército, Marinha e Aeronáutica, e compreende, na mobilização, todos os encargos com a defesa nacional.
A obrigação inicia-se no ano em que o cidadão completa 18 anos de idade, mesmo com o Certificado de Dispensa de Incorporação – CDI, o alistado ainda fica comprometido caso haja algum chamado de emergência, conforme disposto em lei.