Reabertura do Banco de Sangue de Erechim acontecerá no dia 26 de setembro

0
241

Na última sexta-feira, 16, o administrador judicial, cirurgião dentista Jackson Arpini, reuniu-se, em reunião extraordinária, com os representantes das entidades que tem assento na Associação Beneficente dos Receptores de Sangue de Erechim, composta pelas seguintes instituições: CDL, Sindilojas, HCE, FHSTE, Cotrel, ACCIE, URI Campus de Erechim, Lions Centro e AABB.

Em pauta diversos assuntos pertinentes ao Banco de Sangue, entre eles, a retomada dos trabalhos. Fundamentados no último Relatório de Inspeção Técnica, realizado pela ANVISA/ Brasília, DVS – Divisão de Vigilância Sanitária, do estado do Rio Grande do Sul, Termo de Ajustamento de Conduta, firmado com o Ministério Público Estadual, e deferimento judicial, da 1ª Vara Cível da Comarca de Erechim, proferida pelo Dr. Alexandre Renner, que na sua avaliação jurídica e técnica entendeu que todas as medidas pertinentes foram equalizadas, determinando a reabertura imediata dos trabalhos, decidiram pela reabertura dos trabalhos do serviço hemoterápico, dia 26 de setembro.

Diante dos fatos o Banco de Sangue firmou convênio, em caráter emergencial, com o município de Erechim, para aquisição dos utensílios de uso diário, para prover o serviço com os insumos necessários para o pleno regular funcionamento. Com a chegada dos insumos ficou decidido que, a partir do dia 21 de setembro, quarta feira, a unidade iniciará a agenda dos doadores, pelo turno da manha, das 8 às 12 horas, tanto na unidade ou através do telefone (54)3522-5366.

As coletas começarão a ser realizada na próxima segunda-feira, dia 26, oportunidade em que se iniciam os fluxos e processos de trabalhos práticos visando à coleta, processamento, armazenagem e abastecimento de sangue aos prestadores de serviços de saúde (hospitais).

O administrador ressalta que o serviço vive um novo momento, com todos os apontamentos devidamente regularizados, com investimentos superiores a 350.000,00 em equipamentos e mobiliários, e com diversas capacitações realizadas, pela equipe multiprofissional, em áreas afins. O administrador solicita compreensão da comunidade em geral, em especial aos doadores, pela alteração das metodologias de trabalhos, baseados em orientações e recomendações da ANVISA, DVS, e tomando como referência outras unidades hemoterápicas do Estado.

Por fim, esclarece que serão repassadas à comunidade informações complementares com relação aos novos fluxos de trabalho, horários sde atendimentos, serviços realizados, entre outros, e agradece a compreensão do Poder Judiciário, pelo seu saber jurídico, fundamentado em documentos e relatórios de inspeção, que balizaram a retomada dos trabalhos da unidade de saúde.